CUT PI > LISTAR NOTÍCIAS > AGÊNCIA DE NOTÍCIAS > CUT-PI LEVA ÁS RUAS MAIS DE 15.000 TRABALHADORES NO DIA DA GREVE GERAL

CUT-PI leva ás ruas mais de 15.000 trabalhadores no Dia da Greve Geral

28/04/2017

#FORATEMER!

Escrito por: Socorro Silva/Ascom/CUT-PI.

 

A Central Única dos Trabalhadores no Estado do Piauí-CUT-PI, deixou marcado o Dia 28 de Abril, como uma data histórica em Teresina e Municípios, onde Centrais Sindicais Unificaram a atividade Nacional nesta sexta, Dia Nacional de GREVE GERAL.

Atendendo a um chamado da CUT-PI, centrais como : CTB, CSP CONLUTAS, FORÇA SINDICAL, NOVA CENTRAL mostraram que o mais importante são os direitos dos (a) trabalhadores (a), em uma grande manifestação democrática e pacifica pelas principais avenidas, ruas e praças da capital.

Foi tudo muito bonito de se ver, sindicalistas, movimentos sociais, estudantes, a classe trabalhadora e a sociedade juntas(os) com um só objetivo. Finalmente todos (a) estão se conscientizando dos danos causados pelo golpista Michel Temer, que não está nem um pouco preocupado com a classe trabalhadora, deixando claro que os empresários são os seus aliados.

Paulo Bezerra - Presidente da CUT-PI: "O dia de hoje foi acima de nossas expectativas, o povo do Piauí parou contra o governo ilegitimo Temer, isso mostra que nosso trabalho tem sido feito da forma correta, sempre em defesa dos direitos da classe trabalhadora, contra todo e qualquer retrocesso, não podemos cruzar os braços e deixar que sejam aprovadas medidas que só prejudicam o (a) trabalhador (a)". Disse.

"Reformas que mechem com o trabalhador, tem que ser discutidas com a sociedade, centrais e sindicatos, com o conjunto de trabalhadores e trabalhadoras, o que precisamos é que se amplie direitos, e não que os retire". Concluiu Paulo Bezerra.

Dirigentes Sindicais avaliam como positivo o Dia de Greve onde a CUT/PI levou um público bem maior do que o esperado para as ruas em Teresina, isso sem contar com as manifestações também nos municípios como: Oeiras, Parnaíba, Picos, Floriano,São Raimundo Nonato, Água Branca, Piripiri, dentre outros. Todos atendendo a convocatória da central.

Com o objetivo de mostrar a sua posição contraria a Reforma Trabalhista que já passou na Câmara e retirar da pauta dos deputados a Reforma da Previdência nos próximos dias, a central não mediu esforços convocando os Sindicatos CUTistas para junto as suas bases cruzarem os braços, e aderirem a greve, o que foi atendida prontamente.

Foi um dia histórico contra a retirada de direitos, que contou com a adesão de trabalhadores (a) rurais, servidores públicos, municipais e federais, além de diversos ramos econômicos. Hoje, foi um dia que vai ficar na memoria dos Teresinenses, a capital amanheceu com as lojas fechadas, o transporte público também parou, o Sintetro-Pi atendeu ao chamado da CUT-PI e vestiu a camisa juntamente com toda a sua diretoria, fazendo com que motoristas e cobradores participassem do dia nacional de greve. Os Trabalhadores (a) da Construção Civil também cruzaram os braços,

Assim foi o dia de greve no Piauí: Paralisações de categorias, atos públicos, passeatas, fechamento de avenidas, bancos e comercio fechados, ruas sem transporte públicos, escolas sem funcionar, a Defensoria Pública, Ministério Público, Ministério do Trabalho, Auditores Fiscais (AITEPI), dentre outros participaram em peso. A imprensa hoje teve um exemplo de unidade e defesa dos trabalhadores para destacar em seus noticiários.

As Frentes Brasil Popular, e Povo Sem Medo somaram com as centrais sindicais durante a greve geral.

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

Nome:
E-mail:
Título:

TV CUT
Tutorial: Saiba como participar da campanha pela anulação da Reforma Trabalhista
Tutorial: Saiba como participar da campanha pela anulação da Reforma Trabalhista

#AnulaReforma

RÁDIO CUT
FNDC

CUT PIAUÍ
Rua Riachuelo, 929 | Centro/Norte | CEP 64000-050 | Terezina | Piauí
Telefone: (86) 3223.0574 | Fax: (86) 3222.3100 | http://www.cut-pi.org.br/